E Se A Disney Comprar Também Nintendo, Google E Facebo

19 May 2019 22:11
Tags

Back to list of posts

<h1> E Se A Disney Comprar Tamb&eacute;m Nintendo, Google E Facebook?</h1>

<p>Grande n&uacute;mero de vagas abertas, sal&aacute;rios competitivos e oportunidades de ascens&atilde;o profissional. Tudo isso associado a uma relativa estabilidade, j&aacute; que o setor se mant&eacute;m aquecido mesmo na crise. Muita gente nem imagina, mas o cen&aacute;rio acima descreve o mercado de trabalho na &aacute;rea de games no Brasil. No resto do mundo n&atilde;o &eacute; diferente. O mercado consumidor de jogos eletr&ocirc;nicos j&aacute; movimenta mais dinheiro do que Hollywood, e estima-se que haja 1,2 bilh&atilde;o de “gamers” em todo o planeta. “A reascens&atilde;o do mercado &eacute; muito recente, n&atilde;o chega a ter 10 anos no Brasil”, explica ele.</p>

<p>“O resultado &eacute; que muitos profissionais nem imaginam que podem trabalhar com isso, e n&atilde;o sabem que os sal&aacute;rios, benef&iacute;cios e oportunidades de carreira em games s&atilde;o t&atilde;o atraentes quanto os oferecidos por ‘empresas dos sonhos’ como Facebook ou Google”. A maior dificuldade, segundo Abreu, est&aacute; em recrutar pessoas para atuar no pilar corporativo. H&aacute; muita gente interessada no desenvolvimento dos jogos, isto &eacute;, na atua&ccedil;&atilde;o enquanto designers e programadores, mas poucos buscam ativamente posi&ccedil;&otilde;es em departamentos como marketing, RH, finan&ccedil;as ou opera&ccedil;&otilde;es.</p>

<p>&Eacute; preciso “ca&ccedil;ar” esses talentos. A mesma situa&ccedil;&atilde;o &eacute; relatada por Roberto Iervolino, gerente geral da Riot Games, empresa por tr&aacute;s de sucessos como o jogo “League of Legends”. Os profissionais mais procurados s&atilde;o aqueles que j&aacute; t&ecirc;m uma posi&ccedil;&atilde;o s&ecirc;nior no mercado. “&Eacute; um desafio identificar candidatos com mais de 35 anos que t&ecirc;m gosto por games, porque dificilmente a pessoa vai colocar essa informa&ccedil;&atilde;o no LinkedIn, por exemplo”, explica ele.</p>

<p>Ali&aacute;s, ser apaixonado por “e-sports” ou “esportes eletr&ocirc;nicos” &eacute; uma exig&ecirc;ncia para trabalhar na Riot Games. Segundo Iervolino, o funcion&aacute;rio da empresa n&atilde;o pode simplesmente ser adepto de jogos “casuais” para smartphone — &eacute; importante que aprecie games mais densos e complexos, que podem demorar anos para serem conclu&iacute;dos. Na Blizzard, ter interesse e respeito pelo mundo dos games tamb&eacute;m &eacute; requisito, mas n&atilde;o &eacute; obrigat&oacute;rio ser um jogador ass&iacute;duo.</p>

<ol>

<li>4 Browser games</li>

<li> Fortnite Se Torna O Jogo Gratuito Pra Consoles Mais Popular De Todos Os Tempos - Civilization IV</li>

<li>3 B&eacute;lgica vs. Tun&iacute;sia</li>

<li>Archery 2012</li>

<li> Infinity Ward Est&aacute; Recrutando Equipe Para Call Of Duty Da Pr&oacute;xima Gera&ccedil;&atilde;o - 16 1978/79</li>

<li>The Simpsons: Tapped Out</li>

<li>Jogo brasileiro Knights of Pen and Paper chega em maio aos consoles</li>

<li>Super Mario Galaxy 2 (Wii)</li>

</ol>

2364745-snes_shadowrun.jpg

<p>“N&atilde;o cobramos horas de games”, explica. “Voc&ecirc; precisa gostar do tema, mas o mais importante &eacute; que seja um grande profissional do seu setor, tenha ‘olhar de dono’ para o neg&oacute;cio e seja fluente em ingl&ecirc;s”. Os quarenta Melhores Jogos Para PC Fraco de recrutamento Page Personnel indica alta consistente na procura por profissionais no setor de games.</p>

<p>Entre 2015 e 2016, o n&uacute;mero de vagas abertas na &aacute;rea saltou 61%. “A monetiza&ccedil;&atilde;o do setor evoluiu muito nos &uacute;ltimos 5 anos”, explica Ricardo Haag, diretor da empresa respons&aacute;vel pelo estudo. “Hoje h&aacute; plataformas online interativas que geram muita receita por meio de compras dentro do jogo”. Como resultado, as empresas de games investem em profissionaliza&ccedil;&atilde;o — e o principal m&eacute;todo para “roubar” os melhores talentos de mercados mais tradicionais &eacute; a oferta de sal&aacute;rios e benef&iacute;cios competitivos.</p>

<p>Quem tem interesse de ingressar no mercado precisa ter um excelente curr&iacute;culo e, a depender da vaga, um portf&oacute;lio consistente. “Se voc&ecirc; &eacute; um leg&iacute;timo gamer, ou seja, &eacute; f&atilde; dos personagens e da cultura desse universo, vale a pena destacar suas prefer&ecirc;ncias e experi&ecirc;ncias com jogos, eventos e at&eacute; atividades recreativas no curr&iacute;culo”, orienta Haag. A Page Personnel listou 6 posi&ccedil;&otilde;es muito demandadas na ind&uacute;stria de games em diferentes &aacute;reas de atua&ccedil;&atilde;o, com dados como remunera&ccedil;&atilde;o, atribui&ccedil;&otilde;es e principais requisitos. Os sal&aacute;rios podem chegar a 18 mil reais.</p>

<p>O que faz: &Eacute; respons&aacute;vel pela an&aacute;lise de mercado com foco na cria&ccedil;&atilde;o e aperfei&ccedil;oamento de games. Coordena equipes multidisciplinares, que incluem designers e desenvolvedores, e faz a ponte entre as &aacute;reas de produto e marketing. Por que est&aacute; em alta: O aumento na oferta de vagas reflete a expans&atilde;o do mercado consumidor de games, o que exige pessoas capazes de promover inova&ccedil;&atilde;o e garantir a competitividade dos produtos.</p>

<p>Requisitos: &Eacute; preciso ter experi&ecirc;ncia com an&aacute;lise e pesquisa de mercado (benchmark), posicionamento estrat&eacute;gico de jogos, elabora&ccedil;&atilde;o de objetivos e gest&atilde;o de pessoas. &Eacute; preciso ter forma&ccedil;&atilde;o em TI ou marketing. O que faz: Trabalha diretamente com a cria&ccedil;&atilde;o de jogos, em parceria com a equipe de desenvolvimento “back-end”, que &eacute; respons&aacute;vel pelo painel administrativo do produto. Seu objetivo &eacute; criar o melhor formato poss&iacute;vel para o game em dispositivos m&oacute;veis. Por que est&aacute; em alta: Smartphones e tablets s&atilde;o os principais meios de comunica&ccedil;&atilde;o com o p&uacute;blico em geral, e servem como suporte para games em massa. Jogos Educativos Na Internet , a demanda por compet&ecirc;ncias direcionadas a mobile explodiu.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License